Get Adobe Flash player

"Bem-vindo ao jornal Juca Post on-line. Aqui você poderá conferir as principais notícias de Franco da Rocha e região em tempo real"

Developed in conjunction with Ext-Joom.com

Abismos

Em qual abismo teríamos a nossa alma aprisionada?

Fora do abismo, dentro, ou ele não nos faz a menor diferença.

Existem pessoas que dão guarida aos abismos dentro de si.

Creio que o mais saudável seria entregar ao abismo o que não nos serve mais. doaríamos a ele o que temos de pior e, certamente o temos, somos humanos.

Dar a ele o que até tempos atrás era importante, hoje não mais.

Entre os abismos existentes e as vidas quase inexistentes, há uma fração temporal, algo vazio.

Dostoiesvski nos alerta que . "Todo homem carrega em si um vazio do tamanho de Deus". E ao olharmos para o abismo, ele nos olha de volta!

Temos que encará-lo e dizermos: somos mais fortes.

Quando deparamos com o abismo de nossas vidas, sempre iremos sozinhos, pois o nosso momento não é igual ao do outro.

O compositor Cartola em uma canção escreveu;

Presta atenção querida

De cada amor tu herdarás

só o cinismo

Quando notares estás a

beira do abismo

Abismo que cavastes com

os teus pés

Quando depararmos com as nossas crises abismais eu sugiro que ouça a música instrumental chamada Abismo de Rosas.

É abismo sim, mas de rosas, eis a diferença!

 

 

Texto:  Evanir Zarwanski

fretado

Previsão do Tempo

Developed in conjunction with Ext-Joom.com

Classificados

 

 

 

 

Notícias lidas

Ver visitas de Artigos
235625